No dia 03 de março, a gigante dos games, criadora e dona do FortniteEpic Games comprou um dos principais portais de divulgação musical atualmente conhecido, o BandCamp. De acordo com a matéria no IG Tecnologia(matéria original aqui), a Epic Games e nem o BandCamp informaram o valor da negociação, mas de acordo com o CEO e Co-Fundador do BandCampEthan Diamond: “O Bandcamp continuará operando como um marketplace e comunidade musical”.

Então, eu fiquei essa semana maturando diversas idéias de como essa compra poderia influenciar aonde?? Lógico né, no nosso Underground, já que, diversas bandas no qual conhecemos, tem páginas no BandCamp e é sabido que, ele é o local que melhor retorna ao músico que utiliza da plataforma, tendo ali os maiores retornos dentro desse mercado de venda digital de música. Veja abaixo algumas bandas que utilizam a plataforma.

VociferatusImmolationZeal & ArdorDesalmado

Essas e muitas outras no mundo inteiro usam a plataforma, para ter uma melhor forma de renda, já que, sabemos que o Underground nem sempre retorna “bem” aqueles que produzem material para o mercado, então por isso, eu resolvi fazer a seguinte pergunta: Com a recente compra do BandCamp pela Epic Games, o que você, como artista, vê de pontos positivos e negativos nisso? Abaixo vou colocar as respostas de alguns que me responderam sobre esse movimento.

Marcos Resende – PESTA
Sendo bem sincero, acredito que o impacto será pequeno para os artistas independentes, que já sofrem com a falta de espaço e acesso de sua música para um grande público. O Bandcamp conseguia fazer isso para vários nichos mas a grande maioria das bandas e artistas não se alavancavam por lá também. Mas é fato que o Bandcamp é (ou era) até então um espaço democrático e foi uma das iniciativas mais bem sucedidas desse mercado Underground, e ainda assim não foi possível “mantê-lo neste formato”, agora só o tempo dirá se essa compra trará um fôlego melhor para nós artistas e bandas.

Jhon França – Cerberus Attack, Eskröta e Vomit Bag Squad
Essa aquisição do Bandcamp pela grande Epic Games, por ser bem recente, ainda não nos trouxe nenhum reflexo imediato. E acredito eu que a intenção da Epic, de acordo com seu post oficial, seja de melhorar a plataforma do Bandcamp em questões de marketing, meios de pagamento e tecnologia. Acredito também que eles queiram aquecer uma comunidade de criadores de músicas para seus jogos, o que descarta(na minha cabeça) a possibilidade da Epic usar essa aquisição para usar nossas músicas livremente, embora tenham todo direito como descrito no post que eu mencionei.
Quanto a monetização, foi dito que vai se manter como está e é um fator muito atraente na plataforma do Bandcamp, principalmente para nós músicos do underground que dependemos tanto dessas colaborações para manter o trabalho funcionando. E, se a Epic quer investir em divulgação e tecnologia no Bandcamp eu considero um ponto positivo que nossa música chegue em mais lugares com mais pessoas ultilizando Bandcamp para ouvir e “colecionar” nossos discos.”

Juliano Mattos – Underdog
“Eu diria que a aquisição do serviço pela Epic pode ampliar bastante o alcance da plataforma, com novos investimentos e funcionalidades. Inclusive com a possibilidade de criarem aplicativos para consoles como ocorre com o Spotify, por exemplo. Ponto negativo eu ainda não consigo enxergar.

Até dado momento, o que estamos vendo, pelo menos pela parte desses que falaram conosco é uma certa “esperança” que a plataforma continue fazendo os repasses da forma no qual ela sempre foi, o Juliano ainda tocou em um ponto interessante, uma possibilidade de expansão tecnológica da plataforma, levando as bandas menos conhecidas para os consoles, fazendo com que, alguns jogadores, possam ouvir as suas bandas prediletas, durante alguma partida, o que tem muitos que gostam de fazer. O Marcos citou muito bem as dificuldades no qual todos os artistas do Underground passam e como a melhor plataforma de divulgação também não conseguiu se manter, sucumbindo para uma gigante do mercado.

Bem, com isso tudo, a minha conclusão não é das mais esperançosas, eu tenho meus medos de que, a Epic Games se sinta no direito de usar o que ela bem entender em seus jogos, sem ter o repasse aos artistas, mas, caso ela faça os repasses, aí o Underground Mundial ganhou um aliado inacreditável na divulgação do seu material. Agora, vamos lá, que seria legal demais, você poder incluir músicas do BandCamp em seu Squad do Fortnite para jogar com os amigos, ouvindo aquele artista que você mais gosta, seria hein??