Nascido em 2015, pelas mãos do ótimo guitarrista Caio Kehyayan, FireWing esse ano lançou o seu debut, um disco repleto de boas músicas, passagens mais que cativantes e um conteúdo digno de um disco que merece ser citado entre um dos melhores desse ano.

A competente banda, formada por Airton Araujo(vocal), Chris Dovas(bateria), Caio Kehyayan(guitarra e composição), Bruno Oliveira(guitarra e orquestrações) Peter De Reyna(baixo) nos presenteou com um disco incrível, composições de qualidade ímpar, mas isso era de se esperar, já que o FireWing é uma banda com músicos experientes no estilo, sendo que, tirando o vocalista Airton, os outros integrantes se conheceram nos corredores da renomada Breklee College Of Music e com um Background ímpar, não poderíamos esperar nada menos do que um material como Ressurection.

O disco, conceitual e fantasioso, mas baseado na clássica Dualidade Humana, aquela batalha entre Luz e Escuridão, o disco nos guia em uma viagem maravilhosa pelo tema, suas 14 faixas, sendo algumas servindo de “intros”, criam um clima muito bom, deixando ainda mais fácil a audição do álbum, músicas como Far In TimeRessurectionObscure Minds(essas que destaco da obra) mostram como a banda é entrosada e competente em nos entregar um Power Metal robusto, bem feito e que dá vontade de ouvir mais e mais vezes, um belíssimo disco desse ano, que, já está sendo incluso como um dos melhores lançamentos desse ano. 

NOTA: 4 / 5